value1

Bitcoin tem valor superior ao ouro pela primeira vez na história

Bitcoin tem valor superior ao ouro pela primeira vez na história

Bitcoin tem valor, quem investiu dinheiro na compra da criptomoedas bitcoin há alguns meses atrás provavelmente deve estar com um sorriso de orelha a orelha. Pela primeira vez na história, a moeda digital vale mais do que uma unidade de ouro real. Continue reading "Bitcoin tem valor superior ao ouro pela primeira vez na história"

value1

Coca Cola traz ao Brasil uma lição de inovação em sua loja virtual

Coca Cola traz ao Brasil uma lição de inovação em sua loja virtual

Na escola do mercado brasileiro a Coca Cola mais uma vez deixa sua colaboração, recentemente depois de muita especulação aconteceu o lançamento do e-commerce para vendas dos produtos Coca Cola e Schweppes, um novo canal de vendas para atender e entender os consumidores que amam comprar pela internet. Continue reading "Coca Cola traz ao Brasil uma lição de inovação em sua loja virtual"

value1

Meios de Pagamento Online e suas Taxas

Principais Meios de Pagamento Online e suas Taxas

Principais Meios de Pagamento Online e suas Taxas, uma das principais dúvidas de quem tem um negócio na Internet é na hora de escolher um processador de pagamentos online (pagseguro, cielo, rede, paypal, etc.), para fazer o recebimento de suas vendas.

Neste artigo eu cito os mais comuns meios de pagamento, quais as taxas cobradas e as principais características de cada um, permitindo a você escolher aquele que melhor se adapta à sua realidade. Continue reading "Meios de Pagamento Online e suas Taxas"

value1

A história do fraudador que ludibriou o FBI

A história do fraudador que ludibriou o FBI

A revista norte-americana Wired publicou recentemente um longo artigo sobre um hacker que conseguiu uma façanha: enganou a maior agência policial do mundo, o FBI. Mais de uma vez, inclusive durante o período em que trabalhou para o serviço de investigação dos Estados Unidos. A história, narrada pelo jornalista Kevin Poulsen, ainda traz informações interessantíssimas sobre uma das regiões do planeta que mais ameaçam o setor mundial de segurança da informação: o Leste Europeu. Continue reading "A história do fraudador que ludibriou o FBI"

value1

O que é Fintech?

O que é Fintech?

Quando você precisa transferir dinheiro ou pagar contas, provavelmente recorre a bancos e instituições semelhantes, correto? Mas um tipo de empresa que une tecnologia com serviços financeiros está mudando esse cenário: as Fintechs. O Brasil é muito bem representado nesse segmento com startups como Nubank, Controly e GuiaBolso. Continue reading "O que é Fintech?"

value1

Internet das Coisas vai revolucionar o setor financeiro

Internet das Coisas vai revolucionar o setor financeiro

A Internet das Coisas (IoT) com certeza vai revolucionar alguns mercados óbvios, como o de casas inteligentes, wearables e automotivo, onde já foi estrela na última CES. Mas setores mais corporativos, como o mercado financeiro, também devem passar por grandes evoluções; algumas não visíveis aos consumidores, mas que causarão grande impacto na vida das pessoas. Continue reading "Internet das Coisas vai revolucionar o setor financeiro"

value1

Quatro passos para a transformação dos negócios na Era Digital

Quatro passos para a transformação dos negócios na Era Digital

A primeira barreira a ser ultrapassada é o modelo mental da organização. Sua cultura. Depois é preciso definir uma estratégia, alocar recurso e conquistar o apoio da alta direção Continue reading "Quatro passos para a transformação dos negócios na Era Digital"

value1

Qual o melhor meios de pagamentos online no Brasil

Qual o melhor meios de pagamentos online no Brasil

Qual o é melhor meio de pagamento para um comércio eletrônico? Quais formas de pagamento eu devo oferecer? Estas são algumas dúvida constante para pequenos, médios e grandes empresários que desejam iniciar suas vendas através do comércio eletrônico. Continue reading "Qual o melhor meios de pagamentos online no Brasil"

value1

O popup voltou e pode turbinar as vendas de seu e-commerce via e-mail

Lembra aquele tempo em que navegar na Internet era um exercício de fechar janelinhas popups?

Claro que você lembra. Mas será que odiava tanto quanto eu odiava?

 

Recordo bem de quando eu caía em algum site desconhecido e, de repente, milhares de janelas popup abriam em sequência. Para cada uma que eu fechava, abriam outras duas, muitas vezes travando o computador.

Mas, para desespero de alguns marqueteiros e programadores, eis que surgiram anti-popups e navegadores mais atualizados, que acabaram com aquela bandalheira.

Esse foi uma breve retrospectiva cultural para anunciar que os popups voltaram.

Mas calma, o popup voltou, porém, agora ele tem outra identidade: chama-se lightboxes (ou janelas modais).

Os lightboxes são menos invasivos, mais inteligentes e, o que realmente importa, podem ajudar seu e-commerce a crescer.

O Felipe, da LojaPerky.com.br, por exemplo, está convertendo 10% de todo o tráfego da loja em endereços de e-mail graças a essas janelinhas que eram difamadas até pouco tempo atrás.

Grave esta frase: a sua lista de e-mails é (ou deveria ser) o principal ativo da sua loja virtual.

Explico:

– Email marketing ainda é o canal mais eficaz para vendas no e-commerce

– Adquirir visitantes para sua loja, seja qual for o canal, está cada vez mais caro

Se visitante custa caro, e e-mail gera venda, por que você deixaria o visitante ir embora sem deixar um contato?

É aí que entra o lightbox. Hoje, a lightbox é a maneira mais eficaz de construir uma grande lista de e-mails para fazer sua loja faturar alto a cada ação de email marketing.

Imagine uma loja que paga R$0,50 por clique no Adwords e converte apenas 1% disso em vendas (R$50/venda).

Suponha que, usando um lightbox, a loja consiga captar o e-mail de 10% dos visitantes. Agora ela estará pagando R$5/e-mail capturado. Muito mais razoável.

Lightboxes são amplamente usados por blogs e grandes lojas online com este mesmo objetivo, mas estão ao alcance de qualquer pequena e média loja virtual.

Como começar:

Defina a oferta e o design

Pra início de conversa, fuja de qualquer coisa do tipo “Assine minha lista”, “Receba nossas novidades/promoções”, etc. Tudo isso tem pouquíssimo valor para o visitante e subaproveita o potencial do lightbox.

Reflita: o que você vai oferecer de real valor ao visitante em troca de seu endereço de e-mail?

É essa oferta que vai determinar diretamente o sucesso da captação de e-mails. Aqui, detalhes fazem toda a diferença.

Para conseguir transformar ao menos 10% do seu tráfego em endereços de e-mails, você precisa fazer melhor do que oferecer ao visitante sua newsletter.

Algumas boas ideias:

Oferecer um desconto, definitivamente, é a forma mais popular. Mas, não é a única.

Outras ideias:

“Receba cupons de desconto no seu e-mail” – promessa de “cupons de desconto” (palavrinha mágica) para um futuro indeterminado. Cumpra a promessa oferecendo cupons exclusivos para seu mailing;

“Receba grátis…” – grátis é outra palavrinha mágica para gerar conversões;

“Baixe nosso guia/comparativo/passo a passo…” – qualquer material que efetivamente seja útil para seu cliente. Além de o material ser bom, a chamada deve ser eficaz em comunicar o principal benefício. Aqui, mais uma vez, pequenos detalhes fazem toda a diferença.

Não se esqueça de usar uma imagem de boa qualidade que comunique o benefício da sua oferta. Sorrisos e pessoas felizes são sempre boas pedidas, mas você pode tentar qualquer coisa.

Defina o critério

Para começar, sugiro criar uma única oferta somente para novos visitantes, exibida assim que ele chega ao site, não importa qual página (lembre que nem todo mundo entra pela página inicial). É a maneira mais prática para o começo.

Mas nada impede você de criar diferentes ofertas para diferentes critérios.

Por exemplo: um cupom para visitantes de Facebook, outro para visitantes do Buscapé.

Ou quem sabe oferecer frete grátis apenas para quem já navegou por três minutos e ainda não colocou produto no carrinho?

Se a ferramenta de lightbox permitir esses critérios com facilidade, o céu é o limite.

Teste e Meça

Em dúvida entre um tipo de oferta e outra? Entre duas imagens diferentes?

Não pense demais e experimente. Se for possível testar duas versões do lightbox ao mesmo tempo (um teste a/b de verdade), ótimo. Caso contrário, teste uma versão, depois teste outra por igual período e compare os desempenhos. Simples assim.

Lembre-se de criar uma meta no Google Analytics para acompanhar as conversões dos seus lightboxes.

Hora de criar o lightbox

Antes de tudo, verifique se sua plataforma de loja virtual já oferece esse recurso ou se possui um plugin na respectiva loja de aplicativos.

Caso negativo, recomendo a ferramenta Wisepops, que venho usando em alguns clientes e que possui ótimo custo benefício.

Funciona em qualquer site ou plataforma, basta colar um script em todas as páginas do site. Além disso, é bastante simples de usar: você mesmo cria seus popups com um editor bastante intuitivo.

Possui integração automática com MailChimp, mas também pode se integrar com outras soluções de e-mail marketing.

Para lojas virtuais e sites em WordPress existe uma boa lista de soluções desse tipo, entre elas:

Popupdomination

Pippity

OptinMonster

Sumome

fonte: http://ecommercenews.com.br