value1

Google Glass vão ter lentes graduadas

Glass3A Google está a pensar criar uma parceria com o grupo VSP Global, uma rede de oculistas e outros serviços relacionados com a visão, para melhorar o Glass. Se as duas empresas decidirem trabalhar juntas, os óculos inteligentes podem passar a ter também lentes graduadas como opção.

 

Vários utilizadores já tinham relatado como era difícil usar o Glass com lentes de contacto, sem falar das pessoas que tinham de usar os óculos inteligentes e um par de óculos graduados ao mesmo tempo. Agora, esta parceria pode tornar tudo muito mais fácil, além de adicionar mais uma função ao Glass.

Ainda não há datas para o possível lançamento da nova funcionalidade. Para já, a Google ainda nem comentou publicamente estes rumores. Contudo, recorde-se que, anteriormente, a gigante tecnológica já teria alegadamente estado em conversações com uma outra empresa do mesmo campo.

Os analistas acreditam que esta nova versão do Glass não aconteça antes do lançamento da terceira geração da versão beta dos óculos, que vai atualmente na sua segunda atualização.

fonte: http://www.tecnologia.com.pt/

value1

Google Glass ajuda médico a consultar colegas durante cirurgia

glass-medicoHá dois meses, um médico usou o Google Glass para transmitir uma cirurgia simples que ele fazia, dando pista sobre mais uma das possibilidades que os óculos inteligentes proporcionam. Agora, outro médico realizou um procedimento usando o dispositivo, mas deu um passo a mais.

 

O dr. Christopher Kaeding, de Ohio, nos Estados Unidos, não estava apenas filmando e transmitindo a cirurgia. Ele também se consultava com quem o assistia remotamente.

O procedimento foi feito no Centro Médico Wexner, da Universidade Estadual de Ohio, onde vários estudantes puderam acompanhar por seus laptops, assim como um dos colegas de Kaeding, com quem ele conversava durante o trabalho.

Há uma aposta de que futuramente o Glass deverá ser usado normalmente por profissionais da área da saúde. O médico pode, por exemplo, pedir a assistentes que providenciem informações ou exames adicionais sem ter de parar o que estiver fazendo.

"Para ser honesto, uma vez começada a cirurgia, muitas vezes eu me esqueci de que o dispositivo estava aqui", disse Kaeding à Fox.

fonte: http://olhardigital.uol.com.br

value1

Donos dos primeiros Google Glass podem convidar amigos para comprar o equipamento

Google-Glass-Girl-ModelDepois de convidar cerca de seis mil pessoas para comprarem a primeira fornada de óculos Glass no âmbito do seu programa Explorer, a Google veio agora anunciar que alguns destes primeiros proprietários vão poder convidar amigos para comprar o gadget.

 

A novidade foi tornada pública depois de alguns Explorers, que compraram o equipamento por 1,500 dólares, terem recebido um email da Google com autorização para convidarem um amigo para comprar o Glass. ”Estamos sempre a experimentar novas formas de expandir o nosso programa Explorer”, explicou a empresa numa declaração à ABC News.

No entanto, só podem ser convidadas as pessoas que possam levantar o Glass nas cidades de San Francisco, New York ou Los Angeles. E, claro, aqueles que possam desembolsar 1,500 dólares.

A Google continua a ser criticada pela demora em colocar os óculos à venda para o grande público, mas a companhia mantém-se fiel ao seu plano inicial de marketing.

Contudo, nos últimos tempos, a empresa convidou vários professores e especialistas na área da tecnologia para se juntarem ao grupo de Explorers. Também algumas celebridades como Newt Gingrich e John Bon Jovi foram vistas recentemente a usar o Glass.

fonte: http://www.tecnologia.com.pt

value1

Tecladista do Bon Jovi usa Google Glass em show

David-BryanDavid Bryan é o primeiro rockstar a utilizar o Google Glass no palco. O tecladista do Bon Jovi gravou um vídeo com os óculos inteligentes em uma apresentação no MetLife Stadium, em Nova Jersey.

 

“Foi uma grande experiência se apresentar usando o Google Glass frente a um público de 55 mil pessoas”, disse o músico ao Mashable. “É um exemplo de um próximo passo na inovação do consumidor e deverá mudar a maneira que compartilhamos música com nossos fãs. Esse é um território inexplorado pelos desenvolvedores e estou empolgado para ver o que pode ser criado”, comentou.

Quem emprestou o acessório ao músico foi o produtor Chris Barrett, que está documentando uma série de experiências com os óculos.

Já imaginou como seria bacana se sua banda favorita gravasse um DVD com imagens captadas pelo protótipo do Google?

value1

Sai o primeiro filme pornô feito com Google Glass

filme-pornoSaiu o primeiro filme pornográfico gravado profissionalmente com ajuda do Google Glass. E ele está disponível no YouTube, apesar de ter sido postado com restrição de idade.

James Deen e Andy San Dimas, os atores, usam seus óculos durante as gravações, mas na versão que foi para o YouTube não são mostradas cenas explícitas (e por isso o vídeo ainda está lá).

 

O filme foi feito pela MiKandi, a mesma empresa que criou o primeiro aplicativo adulto para os óculos inteligentes e, no dia em que o lançou, teve de tirá-lo do ar por imposição do Google (veja aqui).

Em se tratando de roteiro, a produção mais parece uma comédia, pois os protagonistas mostram em tom de brincadeira que pode não ser tão produtivo usar o Glass enquanto se faz sexo. Isso porque ocorrem distrações como buscas involuntárias, reconhecimento facial, visão raio-x etc.

Você pode conferir o clipe aqui. Mas tenha em mente que ele não é próprio para menores de 18 anos.

value1

Google investe na fabricante de chips Himax para acelerar o lançamento do Glass

glass-oculosA Google deu mais um passo em frente no sentido de fazer com que os seus óculos inteligentes cheguem a tempo e horas às mãos dos consumidores. A empresa adquiriu uma percentagem da empresa Himax, responsável pelo fabrico de chips especiais para dispositivos como o Glass.

 

Investir nesta companhia teve como objetivo acelerar a produção de chips LCOS – chips de silício e cristal líquido – e outros módulos utilizados no fabrico do Glass.

A partir de agora, a gigante norte-americana detém uma parte de 6,3 por cento na Himax, com a opção de fazer novos investimentos nos próximos 12 meses até 14,8 por cento.

“Estamos ansiosos por juntar este investimento à nossa experiência adquirida com a Google para criar tecnologias únicas”, disse Jordan Wu, executivo-chefe da Himax. Por outro lado, um representante da Google afirmou que a empresa está animada e que “a Himax Display é um grande parceiro há vários anos”.

Recorde-se que as primeiras unidades do Google Glass já estão a ser utilizadas por uma fornada de utilizadores, conhecidos como Glass Explorers. Por agora, o aparelho está a receber atualizações regulares que vão sendo testadas por este grupo exclusivo.

fonte:http://www.tecnologia.com.pt/

value1

Empresa descobre como hackear o Google Glass

gopego google glass eyeUma empresa de segurança descobriu uma falha pela qual pessoas mal-intencionadas poderiam acessar o sistema do Google Glass enquanto alguém estivesse com os óculos no rosto.

A Lookout explorou o fato de que o Glass reconhece e faz a leitura de QR codes automaticamente e escondeu um código malicioso numa dessas figuras.

O código fazia com que os óculos se conectassem a uma rede Wi-Fi controlada por eles, por onde tinham acesso a informações do dispositivo. O processo é bem simples, pois basta que o QR code esteja pronto para manejar as configurações de conexão do Glass.

As instruções foram passadas ao Google em maio, quando a empresa abriu um processo para consertar o bug - o que foi feito na atualização pela qual o aparelho passou no começo de junho.

fonte: http://olhardigital.uol.com.br/

value1

Empresa descobre como hackear o Google Glass (2)

gopego google glass eyeUma empresa de segurança descobriu uma falha pela qual pessoas mal-intencionadas poderiam acessar o sistema do Google Glass enquanto alguém estivesse com os óculos no rosto.

A Lookout explorou o fato de que o Glass reconhece e faz a leitura de QR codes automaticamente e escondeu um código malicioso numa dessas figuras.

O código fazia com que os óculos se conectassem a uma rede Wi-Fi controlada por eles, por onde tinham acesso a informações do dispositivo. O processo é bem simples, pois basta que o QR code esteja pronto para manejar as configurações de conexão do Glass.

As instruções foram passadas ao Google em maio, quando a empresa abriu um processo para consertar o bug - o que foi feito na atualização pela qual o aparelho passou no começo de junho.

{media load=media,id=223,width=200,align=left,display=inline}

 

fonte: http://olhardigital.uol.com.br/

value1

Play Store vai sofrer mudanças para suportar o Google Glass

playstore-screenshotSurgiu um novo rumor relativo à Google Play Store, apoiado por uma fotografia que anda a circular na Internet. Aparentemente, este screenshot mostra como será a nova aparência da loja de aplicações da Google depois do lançamento do Glass.

Os últimos rumores indicam que a loja virtual vai sofrer algumas alterações ao seu design e ganhar novas funcionalidades.

 

Na fotografia, é possível ver uma lista de aparelhos compatíveis com a appum dos aparelhos apresentados é o Google Glass, que neste caso é incompatível com a aplicação.

Para já, o gadget ainda não tem acesso à Play Store, por isso é normal que as apps assinalem a falta de compatibilidade com o aparelho. Algo que poderá mudar num futuro próximo, já que muitos utilizadores que pensam comprar o Glass estão à espera de poder utilizar algumas aplicações à disposição na loja online da Google.

Ainda sem confirmação oficial da parte da Google, esta poderá ser uma das primeiras novidades apresentadas pela empresa aquando do lançamento generalizado do Glass. No entanto, ainda temos de esperar para ver.

fonte: http://www.tecnologia.com.pt

value1

Google Glass já tem um browser interno

gopego google glass eyeA Google lançou uma nova atualização para o seu aguardado dispositivo, o Glass, que agora conta com um browser interno. Fica assim resolvido um grande problema do gadget, que já pode ser utilizado para navegar na internet sem problemas.

 

Até agora, os utilizadores da versão de teste do Glass podiam fazer buscas na internet, só que os resultados eram exibidos numa lista de manchetes e resumos e não era possível aceder aos sites. Esse problema foi resolvido com a opção “View Website”, que vem com a nova atualização.

Contudo, a Google arranjou forma de disponibilizar as informações que surgem nos resultados de forma mais organizada e fácil para o utilizador. Além disso, movimentar e modificar o zoom dos resultados é muito mais fácil e intuitivo.

Foi ainda acrescentado um novo suporte para os recursos hands-free. A partir de agora, é possível responder a mensagens de texto e chamadas telefónicas dizendo apenas “Ok, Glass. Reply”. O limite de dez contactos gravados no Glass imposto pela Google também acabou e, agora, os utilizadores têm acesso a toda a sua lista de contactos do Gmail.

A atualização deve ficar disponível para os primeiros utilizadores do Glass nos próximos dias, de acordo com informação da empresa.