value1

Yahoo integra Flickr no serviço de email

flickr logo-300x183O Yahoo anunciou que integrou o Flickr no Yahoo Mail, permitindo que os utilizadores partilhem as suas fotos.

O anúncio foi feito através do blog do Yahooe esta novidade está dentro dos objetivos da empresa para o seu serviço de email que pretendem que seja fácil de usar e mais divertido. Com isto o Yahoo tornou super simples partilhar imagens isoladas ou conjuntos de imagens diretamente do Flickr.

 

Uma vez que os utilizadores estão a enviar e a receber milhões de fotografias todos os dias a equipa do Yahoo Mail queria proporcionar uma melhor experiência de utilização. Não só tornaram as coisas mais fáceis como também o fazem de uma forma bonita com um design simples e similar ao do Flickr.

Para utilizar esta nova funcionalidade  os utilizadores têm de ir até à opção “opções de anexos” e de seguida escolher a opção “partilhar através do Flickr”. No caso de não estarem com sessão iniciada no Flickr surge uma janela a pedir os dados de acesso e de seguida pode escolher as imagens que quer partilhar. Quem não tiver uma conta no Flickr pode criar uma sem sair do Yahoo Mail.

Flickr-Yahoo-Mail

fonte:  http://www.tecnologia.com.pt/

value1

Novo Flickr enfatiza mídias sociais, mas pode irritar usuários antigos

flickrComo muitos usuários do Flickr de longa data, eu estava muito feliz com a perspectiva do Yahoo de melhorar o seu serviço de fotos depois de um longo período de negligência. O primeiro passo para isso ocorreu em janeiro, com o lançamento do Flickr 2.0 para iOS e, agora, o Yahoo liberou 1TB de armazenamento gratuito para a versão web, juntamente com um app para Android.

 

A atualização é bem diferente da interface utilitária - mas cansada - do passado, que contava com pequenas miniaturas, textos e links, e opções de upload severamente limitadas.

Admirar ou desprezar a atualização depende em grande parte de quem você é e o que você espera do serviço. Como entusiasta da fotografia e usuária do site desde 2007, eu tive a minha quota de reclamações, mas também olhei para a tão esperada atualização. Aqui está meu ponto de vista:

Interface vívida
A nova home page do Flickr para a web, em muitos aspectos é similar a do aplicativo para iOS, enfatizando recursos de rede social. Dois terços da interface horizontal é consumido por enormes imagens de seus contatos e também de pessoas desconhecidas que talvez te interessem. Enquanto isso, outros links e contatos potenciais são listados do lado direito da página.

O Flickr acertou em destacar as fotos, tornando-as grandes. Embora alguns críticos achem que a apresentação é muito chamativa, eu não concordo. Uma parede de imagens em um site de fotos? Parece bom para mim. O velho Flickr sofria de muito espaço em branco e oferecia oportunidades limitadas para reorganizar o layout - o que não mudou muito.

A nova home page só permite que você veja novas imagens dos seus contatos, sem deixar que você decida o que você prefere ver primeiro. Me chame de egocêntrica, mas eu preferiria ter a abertura do site exibindo meus próprios photosets que imagens aleatórias de meus contatos.

Para solucionar este problema, você pode clicar no "You", que revela sua própria photostream e um menu suspenso que leva a sets, mapas, favoritos, galerias de arte, atividades recentes, e estatísticas. Em outras palavras: muito do que você costumava ver. Mas realmente deveria haver uma maneira de escolher esta abertura como padrão.

Não sou eu, é você
A essência da nova apresentação é a seção "You". O photostream carrega todas as suas imagens em grandes blocos. Clique em qualquer imagem e ela abrirá individualmente, com setas de navegação. Por ali você pode favoritar, comentar e um botão permite que você visualize um slideshow em tela cheia.

Gostei especialmente da seção "Sets", que mostra cada um dos seus conjuntos em módulos grandes e de fácil leitura. Estranhamente, porém, o mesmo espaço em branco à moda antiga com links azuis aparece na parte inferior. A seção "Edit" parece com a versão anterior do site, exceto pela foto de capa.

Algumas páginas mesclam o velho design com o novo, o que dá à página uma impressão de inacabada. 

Falhas
Apesar das melhoras, algumas das operações do Flickr apresentam falhas. Por exemplo, o site pede para que você atualize seu ícone de usuário, mas quando você clica para encontrar uma nova imagem, aparece apenas uma pequena fração do seu photoset para escolher. A única forma para obter uma imagem mais atual é fazer o upload de uma nova.

Enquanto algumas páginas possuem a "nova cara" do site, outras continuam com a mesma aparência antiga - imagens pequenas e muito espaço em branco. Da mesma forma, fazer o upload e criar "sets" ainda possui a mesma interface confusa de antes.

E, infelizmente, o novo Flickr parece mais lento, com todas essas imagens grandes.

Gostando da mudança - ou não, não podemos culpar o Yahoo por tentar algo novo. Pode ser que o novo Flickr seja um pouco mais favorável às redes sociais e um pouco chocante no início, mas me acostumei rápido com as novidades. 

fonte:  http://idgnow.uol.com.br/

value1

Flickr – O Que É? Como Usar o Flickr? Fonte: http://www.oitopassos.com/2007/05/19/tutorial-flickr-o-que-e-como-usar-o-flickr/#ixzz2Ui2DJ3MQ Follow us: @oitonetwork on Twitter | oitonetwork on Facebook

flickr-logoFlickr é uma página/serviço oferecido pelo Yahoo!. Você poderia dizer que o Flickr  é um álbum de fotos, mas seria menosprezar toda a capacidade do site.

Por isso, para tratar melhor do assunto, como autora convidada do Oito Passos, Marina Lobo escreveu um texto para entendermos melhor do que se trata o serviço.

 

* Se você está interessado em se cadastrar e quer saber como fazer isso e como utilizar todos os recursos do Flickr, vá à última linha do texto. 

O Que é o Flickr?

O Flickr é um serviço de álbum de fotos voltado para as pessoas que se preocupam com as suas fotos.

As suas opções são incomparáveis em relação a outros serviços na internet, tendo como principais usuários fotógrafos profissionais e grandes amantes da fotografia, que a vêem não só como um registro de momento, mais como uma grande expressão de arte.

O que ele faz?

O serviço oferece opções de privacidade para usuários que querem apenas guardar as fotos para si mesmos, como para os que querem dividi-las apenas com usuários restritos, como amigos e família. Claro que você também pode torná-las públicas.

No Flickr suas fotos não perdem a qualidade e podem ser visualizadas no mesmo tamanho no qual você enviou, além de também apresentar as propriedades da foto, o chamado EXIF.

A foto pode ser visualizada em diversos tamanhos. A partir disso, o Flickr oferece um link onde você pode fazer o download do foto no tamanho escolhido, além de oferecer códigos prontos caso você deseje postar a foto em algum lugar.

O serviço pode ser bastante divertido também, se você usar a opção ‘add notes’, onde você pode colocar uma descrição em qualquer local da foto, como se fosse um mapeamento de imagens (veja exemplo). E por falar em mapa, há um mapa no flickr onde você pode arrastar sua foto no lugar do qual ela foi tirada, permitindo a usuários do mundo inteiro ver as fotos por localização.

Para os mais organizados, o Flickr é um prato cheio, ele permite que você crie pastas, os chamados SETS, como também uma coleção, no qual você pode colocar suas fotos preferidas, ou sets preferidos.

Esse serviço é um bom convite a ser explorado, cada link uma nova descoberta, se você gosta de fotografia esse é seu lugar.

Pensa que acabou?

Na verdade este artigo é só uma introdução. O “verdadeiro” artigo está nessa url (quem disse que o Orkut não é útil?). O tutorial nessa página está tão completo e mastigado que hoje mesmo a Marina foi entrevistada por telefone pelo pessoal da Folha, interessado no tutorial. Então entrem logo e sejam os primeiros a ficarem sabendo.

Mesmo que você já conheça o Flickr, que já tenha fuçado e já seja íntimo, nesse tutorial a Marina dá a dica de várias ferramentas e várias formas de usar essas ferramentas. Vale a pena conferir.

O Flickr ainda é pouco difundido no Brasil. O fomentação de valores mundanos auxiliam o crescimento de “Flogão”, “flog.terra”, “fotolog” e a disseminação dos “miguxos” e afins, enquanto um excelente serviço como o Flickr fica no esquecimento. Motivo? o brasileiro não está nem aí para o que é melhor. Preferem sempre o mais fácil.

Marina Lobo trabalho como Web Builder na IBM Brasil. Além disso, é fotógrafa amadora (não tão amadora assim) e gosta de se divertir pela web a fora. Para conferir suas fotos e saber mais acesse seu álbum de fotos no Flickr.

Para se cadastrar no Flickr clique aqui.

 

value1

Flickr ganha nova interface e disponibiliza 1 TB de espaço aos usuários

flickr-logoO Yahoo! revelou nesta segunda-feira, 20, detalhes do novo Flickr. As mudanças foram apresentadas em um evento em Nova York (Estados Unidos), que contou com a presença da CEO, Marissa Mayer, e o prefeito da cidade, Michael Bloomberg.

Segundo o Cnet, o site terá uma interface atualizada na web e 1 TB de espaço livre para todos os usuários. As novidades no site também incluem a possibilidade de fazer uploads de fotos em alta-resolução e uma versão modificada do app para Android (smartphones e tablets).

A CEO da companhia informou que as mudanças já estão disponíveis para a maioria dos usuários e revelou que o objetivo do Yahoo! é chegar a 881 bilhões de imagens postadas no Flickr em 2014. Atualmente o site conta com 8 bilhões de fotos.

"A novidade aqui é aparência e fotos ilimitadas. Fotos fazem o mundo girar, por isso queremos fazer o Flickr ser incrível novamente", disse a presidente.

flickr

fonte:  http://olhardigital.uol.com.br/